por Otto Cerqueira 2 comentários

Olá, galera.

Estava eu verificando meu Playfire quando me bateu uma nostalgia de alguns jogos, e de alguma forma, comecei a pensar em suas trilhas sonoras. Foi então que decidi mostrar pra vocês as 5 músicas que eu mais curto dos games. O requisito essencial é que elas sejam cantadas, o que tira mais da metade da trilha sonora de todos os games. Na verdade acho que bem mais que a metade, mas enfim. Vamos conferir

5. Kingdom Hearts 2 - My Sanctuary

Um game que reune Mickey, Donald, Pateta, Jack Sparrow, Jack Skellington, e mais uma porrada de personagens Disney? Awesome! My Sanctuary foi escolhida não só por sua boa melodia, mas também pelo segredo atrás dela. A música é cantada ao contrário! É, isso mesmo. Se você já ouviu a música e pensou que era algum rito satânico saiba que a verdade é mais profunda que isso.




4. Final Fantasy X-2 - Real Emotions

Mesmo Final Fantasy X-2 ter sido um jogo feito claramente para o público feminino, eu me diverti bastante com ele. E talvez por causa do meu "fãboyzismo", curti bastante a intro de FFX2. Fala sério, é uma produção incrível para uma simples abertura.




3. Devil May Cry 3 - Main theme

DMC é inegavelmente um dos games de ação mais épicos que existem. Apesar da música tema principal mal ser falada, ela incorpora o espírito do metal from hell, e é por isso que ocupa nossa terceira posição.




2. Street Fighter IV - Main Theme

A música tema de Street Fighter 4 é inebriante. Sinceramente, umas das melhores músicas já feitas para um jogo de luta.




1. Portal - Still Alive

Eu me pergunto se um dia algum game conseguirá superar a genialidade desta música. Sem brincadeira, é simplesmente brilhante, não só pela música como também pela metáfora contida nela. Para quem não conhece, Portal é o melhor FPS misturado com puzzle que existe. Ele vem junto com o pacote Orange Box do marcante Half-Life 2.

No jogo, você tem uma arma que cria portais para teleportar objetos (e você também) de um lugar para outro. Apenas com essa simples premissa conseguiram fazer um jogo majestoso, mas ainda faltava um detalhe expecional, e seu nome era GLaDOS (Genetic Lifeform and Disk Operating System). Notem que o nome mistura Glad (Feliz) com DOS (Sistema operacional em disco), e Gladys, um nome feminino.

Como vocês já devem imaginar, GLaDOS é uma robô. É ela quem te desafia a solucionar os puzzles dentro do
Aperture Science Computer-Aided Enrichment Center. Mas ela é uma robô diferente, o seu maior sonho é fazer um bolo. Sim, um bolo. E é com a promessa de ganhar um bolo que você realiza os desafios.

No entanto, no começo do jogo você tem uma frase repetidamente escrita em sangue na parede:
The cake is a lie, ou, O bolo é uma mentira. Essa frase foi tão marcante que virou um meme usado quando algo diz que será recompensasor, mas não é como prometido (Windows Vista?).

Sem mais enrolação, confiram a música que aparece na ending do jogo:






2 Responses so far.

  1. Ripado says:

    M4 part 2 do Mass Effect tbm é bem lgl :)

  2. Otto says:

    Eu joguei pouco Mass Effect. Talvez devesse dar mais uma chance.
    E a música é legal mesmo. Taí pra quem não viu:


    http://www.youtube.com/v/gISlB1IdUjI

Deixe um comentário

- Utilize esse espaço para comentar e fazer pedidos.
- Não serão aceitas propagandas ou ofensas.
- Nós não fazemos upload dos jogos, apenas indicamos onde ele se encontra.
- Responderemos seu comentário na medida do possível.
- Nenhum homem é uma ilha. Seu comentário nos motiva a continuar, portanto, não seja tímido.