por Otto Cerqueira 28 comentários

A turma do Bairro do Limoeiro divertiu a todos os brasileiros desde sua criação em 1963, sendo hoje uma paixão internacional.

Em 2008, Maurício de Souza decidiu que estava na hora de evoluir os personagens e criou a Turma da Mônica Jovem - uma versão adolescente da galerinha com influências do mangá japonês - e abordar novos temas como namoro, sexo e drogas. Puxa. O mangá é em preto-e-branco, mas mantêm a ordem de leitura ocidental ao invés do de trás pra frente japonês.

Alguns Spoilers (Informações da história que podem tirar a surpresa): Agora rola um romance entre a Mônica e o Cebolinha. Cascão toma banho de vez em quando, mesmo não gostando. Afinal, não ficaria bem um adolescente não tomar banho. A Magali come muito, mas sempre alimentos saudáveis. O Cebolinha, digo, o Cebola, como ele gosta de ser chamado, faz fonoaudiologia e não troca mais erres por eles, a não ser quando fica nervoso ou tem alguma garota por perto.

Vamos agora a minha opinião. Se não quiser perder o ar de esperança do mangá e ganhar spoilers, pule direto para o download.

Bem, como o próprio Maurício considera, a Turma da Mônica Jovem não é um mangá, mas tem influências. É basicamente a mesma turma de antes. A primeira história é uma viagem meio maluca que segue até a quarta edição para apresentar as mudanças. As histórias continuam bastante divertidas, você ri em algumas partes, e em outras se cansa da repetição de trocadilhos. Digo, se cansa mesmo. Desde a edição 0 todas as mudanças são apresentadas, sem contar na introdução do mangá, mas eles cismam em lembrá-las em cada página do gibi. Todo o tempo; só váriam as formas das piadas metalinguisticas.

O que é um pouco... hã...diferente (Pra não falar bizarro) na história é que, apesar de ser feita pra faixa etária adolescente, tem histórias pra crianças de 8 anos, de tamanho clichê, só que acrescidos de leve humor erótico. Na primeira edição Cebola acidentalmente escorrega, cai em cima da Mônica e olha para os seios, ela percebe e fala “O que você está olhando, Cebola!?” e ele responde com “Seus dentes, eles cresceram”. Pouco mais a frente a Mônica esfrega o Cebola entre os seios, de forma descontraída. Típico humor japonês, como aqueles vistos em Dragon Ball.

Quando eu falei em clichê ali em cima eu falei de um verdadeiro clichê. A história toda. No primeiro volume a Turma descobre que seus pais são guerreiros de uma geração antiga, e cabe a eles o dever de enfrentar a nova vilã da época medieval, que foi libertada pelo Poeira Negra.

É praticamente como assistir Malhação misturado com algum fanfiction de alguém sem imaginação alguma. Lembram do Capitão Feio? Aquele vilão que soltava raios de poeira, bom, agora ele é o Poeira Negra! Lembram do Anjinho? Agora vou te contar a maior e mais incrível tosquice que já fizeram: ele se chama Céuboy! CÉUBOY! De onde foram tirar uma merda de nome desses?

As falas dos personagens precisam de grandes melhorias. Muitas vezes eles usam expressões da época que nossos pais eram adolescentes e isso não é muito supimpa, entende? Isso serve principalmente pras gírias toscas do Cascão.

O efeito SD (Super Deformed), uma forma de exagerar as emoções dos personagens, também precisam de uma melhoria. As roupas das meninas estão bem "atiradinhas". Sempre com roupas curtas como mini-saias e tops, e alguns ângulos ligeiramente sensuais.

Bom, esse ainda é o começo. Eles estão continuamente recebendo críticas e melhorando os seus erros, por exemplo, após inúmeras reclamações deixaram a idéia de Céuboy de lado, bem como o Poeira Negra se assume como Capitão Feio mais para frente.


Como eles eram

Como ficaram

E se fossem adolescentes no estilo original?


Uma notícia de 8 páginas da revista Sax, informa que a Turma da Mônica Jovem se tornará um anime exibido na Cartoon Network para o mundo todo. Na capa temos uma Mônica sensual e estilosa à la Betty Boop. Quem diria, hein?

Na verdade eu sempre achei a Turma um pouco estilo mangá. Olhos grandes, traço simples. O Horácio é um sucesso no Japão.

Além disso, Maurício de Souza era amigo pessoal de Osamu Tezuka, considerado o deus do mangá devido as suas inovações, que por sua vez foram inspiradas nos personagens de Walt Disney. Você deve conhecê-lo pelas obras Astro Boy e A Princesa e o Cavaleiro, inclusive muitos dizem que O Rei Leão da Disney foi plágio discarado da sua obra
Kimba, o Leão Branco.

Finalizando, a Turma continua divertida, apesar dos erros que a gente tem que tolerar devido a ser um projeto totalmente novo. Mas de qualquer forma a curiosidade de ver algo intocável (até agora) ser mudado vai fazê-lo querer conferir.

Está nas bancas em formato 16x21cm, custando R$6,90 (caro demais pra um gibi preto-e-branco), e também aqui na Infopix, disponível para download. Minha sugestão é de comprar o mangá, pois ler com ele em mãos é mais gostoso, mas pra quem quiser conferir agora mesmo, seguem os links de download. Cliquem nas capas para baixar.



Edição #0

Eles cresceram, seus visuais não são mais os mesmos, os planos infalíveis agora são outros. Mas uma coisa não mudou, eles continuam vivendo aventuras incríveis, com muito bom humor.

História na forma de mangá, que é como os japoneses chamam as histórias em quadrinhos. Os mangás são sempre publicados em preto-e-branco. Atualmente, o mangá é o gênero de quadrinhos mais lido do mundo.

Assim como as novelas, os mangás tem começo, meio e fim. Uma das principais característics dos mangás e também dos animês (os desenhos animados japoneses) são os personagens com olhos grandes e expressivos.



Edição #1

Turma da Mônica deixou de ser turminha e se tornou um grupo de adolescentes. Mônica abandonou o vestido vermelho, a glutona Magali passou a apostar na alimentação balanceada, Cebolinha fala os erres (mas se perde quando está perto da Mônica, por quem tem uma queda), Cascão toma banho demorados e por aí vai.

Mas, em meio a esse mundo, surge uma ameaça: uma velha feiticeira japonesa que está vinculada com um segredo ancestral dos pais dos meninos.






Edição #2

Continua a aventura da Turma da Mônica Jovem, dessa vez num mundo fantástico medieval em busca do Cubo Fantástico.

Este volume 2 dá continuidade a saga da Turma da Mônica Jovem. Nele, Cebolinha, Cascão, Mônica e Magali são transportados para o mundo mágico de Mavidele, inspirado nos universos de RPGs, em Senhor dos Anéis, no mangá Lodoss War e, sobretudo, em Caverna do Dragão.

A turminha foi para esse lugar para coletar o Cubo Fantástico e iniciar o combate contra a vilã Yuri.

Tanto o roteiro quando a arte buscam o tempo o todo a paródia. E todos os clichês desse tipo de narrativa estão muito bem satirizados nas páginas dessa revista.



Edição #3

Continua a aventura da Turma da Mônica Jovem. Primeiro, na dimensão futurista de Tobor, depois em Tchalu.

As aventuras da Turma da Mônica Jovem chegaram perto do fim de seu primeiro arco. E, pelo sucesso das vendas dessas edições, é de se esperar que seja o primeiro de muitos.

Neste terceiro volume, Mônica e seus amigos estão na dimensão futurista de Tobor, às voltas com robôs gigantes e parafernália hi-tech. Nesse mundo, não poderiam faltar aparições de Bloginho, Astronauta – agora um adulto –, e uma justa homenagem nostálgica ao Lorde Coelhão, vilão do filme A Princesa e o Robô.

Novamente, a paródia é a tônica. A bola da vez são brincadeiras com as séries super-sentai como Changeman e Flashman. Outras figuras do universo dos mangás de ficção científica, como o Megaman, também foram lembrados.


Edição #4

A Turma chegou ao Templo do Céu Infinito e lá começa a treinar para participar do Torneio do Disco de Saturno. Se vencerem as lutas e com o disco em seu poder, vão para outro desafio... encontrar o Cilindro de Netuno !

A capa é bombástica, antológica, fetichista: Mônica tenta beijar Cebolinha. Na boca. De novo: na boca. Ela está com os olhinhos fechados. Ele treme na base. Gotas de suor escorrem pelo seu rosto. Os leitores vêem uma velha fantasia se tornando, vá lá, realidade.

Edição muito discutida pela mídia e também finaliza o primeiro arco da série.



Edição #5

Depois de estrearem em uma aventura fantástica, passada em quatro dimensões mágicas, a Turma da Mônica Jovem retorna para casa na quinta edição de sua série mensal, publicada pela Panini Comics.

As versões adolescentes de Mônica, Cebolinha, Cascão e Magali vivem três histórias passadas no Bairro do Limoeiro, local onde cresceu a Turminha. São elas: Onze Coisas que as Garotas Amam, Os Meninos São Todos Iguais e Pai! Me Empresta a Chave do Carro?, todas no estilo mangá característico desta série nova.





Edição #6

A turma não para.

Depois de umas historinhas bem do dia-a-dia vividas no limoeiro, já se mete numa viagem interplanetária, imagine. E pra variar, sucedem-se descobertas, emoções e perigos. E olha que era pra ser somente uma viagem de estudos aoplaneta marte.

Mas a descoberta de tecnologia alienígena, robôs e novos perigos muda os rumos da turma e os coloca em choque com minirrobôs, um robozão valente e… a historia mal começou. Falta entrar a princesinha mimi, que chega no próximo número.

Para quem gosta de aventura, ação e um tantinho de ficção científica, esta série é um prato feito… e fomos buscar num antigo filme de longa-metragem nosso - a princesa e o robô - elementos para compor esta releitura curiosa e eletrizante.


Edição #7


A primeira parte mostra a ilustre Princesa Mimi, uma coelha com a personalidade (e os dentões) da Mônica. Forçuda e esquentadinha, ela é a herdeira do grande império que inclui dez bilhões de sistemas planetários. Exibida, sempre tem suas batalhas transmitidas para todos os cantos do universo como prova da superioridade do povo coelho.

Na segunda parte, a nossa querida Mônica acabou de passar por maus bocados nas mãos de um bando de robozinhos, chatos, mas um robozão com cara de Kamen Rider (e de coelho!) a salvou das criaturinhas. Este robô é um Pulsar, criado apenas para proteger a Princesa Mimi de qualquer perigo (e ele acaba confundindo a Mônica com a tal princesa - pudera! Tirando as orelhas elas são idênticas!)



Edição #8

Turma da Mônica Jovem 08 traz a última parte da aventura O Brilho de um Pulsar. Neste volume finalmente teremos o confronto entre Mônica e a princesa Mimi, tem também o robozão Pulsar mandando bala, o climinha de romance dos números anteriores, e tem a aparição do terrível Lorde Kamenm. O que será que ele vai aprontar?










Edição #9

Na edição 9 a turminha volta para o bairro do Limoeiro, mais precisamente para a escola, onde vai acontecer uma peça de teatro. A Mônica vai contracenar com um menino bonitão que é novo na área, despertando os ciúmes do cebola, provocando brigas e agitando todo mundo! Baixe agora a aventura completa, que a nona edição de TMJ está demais!










Edição #10


Por que Mônica anda tirando notas baixas? Por que anda ocupada com seus amigos? Parece que Cebola, Magali e Cascão têm muitos problemas, e a Mônica... quer resolver tudo. Entre atuar em um videogame de luta, um louco esporte urbano e um programa de auditório, Mônica esquece de si mesma. Agora, tem que contar com seus amigos para reorganizar seus próprios problemas, e colocar a si mesma em primeiro lugar.







Edição #11

Parece que o Limoeiro Futebol Clube está nas finais da Liga Juvenil, e a grande estrela do time é o Cascão, mas o cara anda meio estranho. Ou pelo menos, a turma acha isso. Acho que no fim das contas o "Segredo" do cascão vai agradar muito aos fãs de histórias em quadrinhos, Mangás e Animes, mas para descobrir você vai ter que ler.









Links: Portal Detonando



Confira histórias da Turma da Mônica original no site oficial (Clique na imagem ao lado, em seguida vá para Quadrinhos).

28 Responses so far.

  1. Parabens Muito Bom Post!!
    incrivel!!!:D

    li da cabeça ao pé(tudinho =P)

  2. cara, ta muito bom esse mangá, tenho todoas, menos a 6... !

    Muito show!

    Abraços. (Recomendo)

  3. meus parabéns :D essa foi o primeiro artigo imparcial sobre a turma da mônica jovem que já li...

    olha, não me agradou muito, não é mangá, e maurício podia ter feito as páginas a cores... e foi meio forçada a relação com o mangá... mas...
    não se pode agradar a gregos e troianos - maurício de souza nunca vai fazer histórias maduras e polêmicas, no máximo as do Rolo e a Tina... e mesmo essas... são mais maduras que a turma jovem...

    mas eu creio que o tempo de revolucionário do maurício de souza acabou na época da censura militar, e que hoje vai ser muito difícil ele voltar pras origens assim.
    o público dele é hoje, e aparentemente vai continuar sendo, os jovens pré-adolescentes :)

  4. Daniela says:

    Não curto muito quadrinho... mas o post esta ótimo!

  5. André says:

    Curti muito quando criança, agora naum dei mto valor para a versão adolescente, mas depois q vi o post, despertou a curiosidade D:, muito bom, parabens D:

  6. Patricia says:

    o mauricio era amigo do ozamu tesuka aaaaaah idolos! :)

  7. KGeo says:

    eu nunca gostei muito mais que fez parte da minha infância fez

  8. Kwa says:

    Mauricião não perde tempo eim.
    Turma da monica sai mais que jornal.

  9. prefiro a turma sem essa roupagem nova. no original a criançadinha é muito mais engraçada!

  10. Eu sempre gostei da Turma da Mônica e acho que tem tudo pra dar certo nessa nova fase.

    Obrigada pela visita em meu blog.

  11. Anônimo says:

    esta de para bens a nova turma e o masimo
    muito legal de mais

  12. sofismo says:

    Meu,

    Li os primeiro 8 exemplares e não me empolguei em continuar lendo, sei lá, não gostei.
    era devorador voraz da turma da monica quando criança, acho que vou ficar com eles na memória quando tinham 8 anos mesmo... hehehehe.

    ótimo seu post hein
    Cola lá no meu blog
    www.sofismo.wordpress.com

  13. Skriza says:

    Normal.. sempre tem um pra inventar um defeito... lamentável.

    Mauricio de Souza conseguiu mudar sem perder a essência... Você leu alguma vez a Turminha da Mônica, ou foi só agora que deu uma olhada pra escrever um post pra ganhar míseros acessos?? Olha acho que não hein!!

  14. Anônimo says:

    oi eu li todas as ediçoes e foi uma merda

  15. Anônimo says:
    Este comentário foi removido por um administrador do blog.
  16. Anônimo says:
    Este comentário foi removido por um administrador do blog.
  17. Anônimo says:

    Eu quero a revistinha da tinaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa....por favor!!!!!!!

  18. daniele says:

    AMOOOOO MUUUUUUUITO TUDOOOO ISSOOOOOOOOO :D PARABÉNS PELO TRABALHO MAURICIO !

  19. Anônimo says:

    eles ficaram muito bonitos

  20. Paulo says:

    oi
    eu so os seu mair fa é cada vez mais lg
    eu tenho ate as cartinha
    bjsssssss
    adoro vcs
    xau

  21. Guest says:

    8-) cara belo post mais vc nao ten outras edçoes ja li esas ai todas vlw :-D

  22. Guest says:

    Parabéns Maurício,a Turma da Monica Jovem está um máximo,eu literalmente me apaixonei!Seu trabalho é ótimo!Beijos

  23. Guest says:

    coloka mais edçoes mano vlw eu quero ler mais edçoes e muito daora mano eu tava queren ler mais nao tinha a shado nen um saite q tinha pra baixar portanto parabenss e coloke mais edçoes

  24. Anonymous says:

    turma da monica yes !!!!!!!!

  25. anonymous says:

    eu queria que criasen um anime da turma da monica jovem

  26. anonymous says:

    por favor fação o anime da turma da monica jovem vaaaaaaaaiiiiiiiiii

  27. anonimo says:

    será que dá pra postar as ediçoes no site da monica pessoal

Deixe um comentário

- Utilize esse espaço para comentar e fazer pedidos.
- Não serão aceitas propagandas ou ofensas.
- Nós não fazemos upload dos jogos, apenas indicamos onde ele se encontra.
- Responderemos seu comentário na medida do possível.
- Nenhum homem é uma ilha. Seu comentário nos motiva a continuar, portanto, não seja tímido.